O Diretor Regional da Ciência e Tecnologia destacou a importância de uma “envolvência mais permanente entre as empresas e o sistema científico”, apontando a relevância das sessões de divulgação da iniciativa Transfer+ que vão decorrer em todas as ilhas dos Açores.

Nesse sentido, teve lugar hoje, na Horta, uma sessão especialmente dirigida à ‘Economia Azul’, durante a qual foram apresentadas as medidas e os instrumentos financeiros disponíveis para apoio à entidades empresariais e não empresariais do Sistema Científico e Tecnológico dos Açores, integrando ainda sessões individualizadas de apoio às empresas que pretendam apresentar candidaturas aos avisos disponíveis no âmbito do Programa Operacional Açores 2020.

Para Bruno Pacheco, trata-se de “uma iniciativa que corporiza o empenho do Governo Regional na implementação de uma estratégia concertada e integrada para a criação e sistematização dos elos de unificação e convergência entre a ciência, a tecnologia, a inovação e o empreendedorismo, com elevada incorporação ou potencial de integração de investigação e desenvolvimento no seu processo produtivo”.

“Estas sessões visam criar uma envolvência mais permanente entre as empresas e o sistema cientifico”, frisou o Diretor Regional, salientando “o esforço que tem sido dedicado nesta legislatura à proximidade com as diversas partes interessadas, com a realização de sessões em várias ilhas, e no acompanhamento individualizado aos investigadores e às empresas, com o objetivo muito claro de aumentar a permeabilidade entre a investigação, o desenvolvimento e inovação e o tecido empresarial”.

O Sistema Cientifico e Tecnológico dos Açores tem atualmente à sua disposição um conjunto de apoios financeiros que permitem às entidades apostar no processo de internacionalização da Investigação e Desenvolvimento (I&D) que produzem, na realização de projetos de investigação aplicada em contexto empresarial, na realização de pós doutoramentos em empresas, na criação de núcleos permanentes de investigação e desenvolvimento nas empresas e na obtenção de um vasto leque de serviços em formato simplificado, através do sistema de Vales de I&D.

O Governo dos Açores, afirmou Bruno Pacheco, “tem potenciado todos os programas e ferramentas à sua disposição para garantir um crescimento económico da Região cada vez mais assente em ciência e Tecnologia, o que permitirá tornar o arquipélago mais resiliente e competitivo a nível económico, social e ambiental”.

Atualmente, estão disponíveis cinco linhas de financiamento, para um total de cerca de quatro milhões de euros.

No âmbito do roteiro das sessões de divulgação do Transfer+ serão realizados eventos em todas as ilhas dos Açores, estando previstas sessões temáticas, nomeadamente nas áreas dos Lacticínios, em São Jorge, e do Espaço, em Santa Maria.

 

Praia da Vitória

Ilha Terceira

Notícias Regionais

Economia

Startups

Outras Notícias

Sociedade

Saúde