A pandemia do novo coronavírus já causou a morte a pelo menos 521.384 pessoas e infetou mais de 10,8 milhões em todo o mundo desde dezembro, segundo um balanço da agência AFP baseado em dados oficiais.

De acordo com os dados recolhidos pela agência de notícias francesa até às 11:00 de Lisboa, já morreram pelo menos 521.384 pessoas e há mais de 10.887.320 infetados em 196 países e territórios desde o início da epidemia, em dezembro de 2019 na cidade chinesa de Wuhan.

Pelo menos 5.585.100 casos foram considerados curados pelas autoridades de saúde.

A AFP adverte que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do total real de infeções, já que alguns países estão a testar apenas casos graves, outros usam o teste como uma prioridade para rastreamento e muitos países pobres têm apenas capacidade limitada de rastreamento.

Os Estados Unidos, que registaram a primeira morte ligada ao coronavírus no início de fevereiro, são o país mais afetado em termos de número de mortes e casos, com 128.740 mortos e 2.739.879 casos, respetivamente. Pelo menos 781.970 pessoas foram declaradas curadas.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil com 61.884 mortes para 1.496.858 casos, Reino Unido com 43.995 mortes (283.757 casos), Itália com 34.818 mortes (240.961 casos) e França com 29.875 mortos (202.785 casos).

O Reino Unido reviu o seu método de contagem de pessoas infetadas na quinta-feira, passando de 313.483 casos de covid-19 na quarta-feira para 283.757 casos na quinta-feira.

A China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau) contabilizou oficialmente um total de 83.542 casos (cinco novos entre quinta-feira e hoje), incluindo 4.634 mortes (nenhuma nova) e 78.499 curado.

A Europa totalizou 198.356 mortes para 2.690.130 casos, Estados Unidos e Canadá 137.421 (2.844.522 casos), América Latina e Caraíbas 121.662 mortes (2.735.117 casos), Ásia 36.244 mortes (1.388.696 casos), Médio Oriente 16.959 (785.842 casos), África 10.609 mortes (433.436 casos) e Oceânia 133 mortes (9.585 casos).

Pela primeira vez desde o início da nova pandemia de covid-19, a América Latina ultrapassou hoje a Europa no número de casos com 2.735.107 de infetados.

A América Latina, o continente onde a epidemia tem estado mais ativa nas últimas semanas, torna-se assim a segunda região do mundo com mais casos de covid-19, atrás da América do Norte (Estados Unidos e Canadá), que tem 2.844.522 casos e antes da Europa (2.718.363).

A Europa continua a região do mundo mais afetada pela pandemia, com 198.310 vítimas, à frente dos Estados Unidos e Canadá (137.421) e América Latina (121.662).

A AFP avisa que devido a correções pelas autoridades ou a publicação tardia dos dados, os valores de aumento de 24 horas podem não corresponder exatamente aos publicados no dia anterior.

Praia da Vitória

Ilha Terceira

Notícias Regionais

Economia

Praia Links

Outras Notícias

Mundo

Sociedade

Saúde

Desporto

Música

Podcast