A empresa municipal Praia Ambiente, iniciou, esta semana, o projeto-piloto de recolha de biorresíduos. Os primeiros contentores destinados ao depósito destes resíduos foram colocados na freguesia do Cabo da Praia na tarde de segunda-feira, dia 06.

Segundo o vice-presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória e presidente do conselho de administração da Praia Ambiente, Ricky Baptista, o projeto visa aumentar a recolha seletiva e evitar o depósito de biorresíduos nos contentores de lixo indiferenciado.

“Esta ação visa a sensibilização da população para a reciclagem de biorresíduos, dado que cada um de nós produz nas nossas habitações e jardins um conjunto de resíduos que, efetivamente, podem ser transformados em composto natural e utilizados no enriquecimento dos solos”, explica o autarca.

“Resíduos como cascas de fruta e legumes, folhas, ramagens e ervas que inicialmente eram depositados no contentor dos indiferenciados podem agora ser colocados em outro diferente para este efeito. São novas práticas que podemos introduzir no nosso quotidiano, cientes do valioso contributo que estamos a dar em prol da sustentabilidade ambiental”, refere o responsável municipal.

No âmbito do projeto, foram instalados cinco contentores de cor castanha identificados com a palavra “biorresíduos” no Caminho dos Poços, na Rua Nova, na Canada do Saco e no Caminho do Meio (à entrada da Canada da Faneca e próximo da entrada da Canada da Boa Ventura). A primeira recolha ocorrerá no dia 15.

A Praia Ambiente E. M pretende, a partir do próximo ano, alargar a distribuição de contentores por todo o Concelho.

A empresa municipal irá promover ações de sensibilização ambiental com os objetivos de apelar à correta separação de resíduos, informar todos os procedimentos à população e sobre os benefícios do sistema de recolha seletiva de biorresíduos.

PUB

Praia da Vitória

Ilha Terceira

Notícias Regionais

Economia